Hiyoh pessoal, tudo bem? Espero que sim!

Neste post estou trazendo para vocês, um book com a técnica official usada na coloração de ilustrações para Artbook, capas e páginas coloridas de Bleach.












Tudo na técnica pessoal de Tite Kubo!



Espero que gostem.

Para fazer download do Book, apenas clique na imagem abaixo!
- Clique Para Baixar -



















Hiyoh pessoal, tudo bem? Espero que sim!

Nessa postagem estou trazendo para vocês um guia de tirinhas de Bleach Offcial chamado Blootstep.




Espero que gostem...
O link para Download do arquivo Segue na imagem abaixo!
- Clique Para Baixar -

Hiyoh Galerinha!



Não sou lá muito expressivo pra essas coisas, mas....

Cá estou eu com mais um vídeo de dicas para vocês. e agora uma dica sobre perspectiva!



Um modo prático, bem simples de desenhar janelas e portas corretamente em seus cenários....



Então sem mais de longas, vamos ao vídeo!



Se gostou dá um Like, compartilha, comenta e se inscreve no canal lá no youtube para receber as notificações dos próximos videos....



Conto com o apoio de vocês!





De uma maneira fácil e rápida, você será capaz de capturar várias imagens referencias de seus filmes favoritos com esse aplicativo, que tem uma função desconhecida por muitos usuários!


Se você é um desses que desconhece esta função, assista o vídeo e fique por dentro de como capturar a qualquer momento, qualquer cena, de qualquer filme!

Se gostou e foi de alguma maneira útil, comente abaixo, dê um joinha e se inscreva lá no canal do Youtube!


 Tanto o lápis quanto a lapiseira, são excelentes ferramentas de desenhos. Cada uma com a sua particularidade, há muitos que digam aos iniciantes:

“Vocês que estão iniciando, evitem usar lapiseiras, Elas são pesadas e não os ajudarão a progredir...”

Errado!

Discordo desse tipo de conselho ou opinião... Como ferramenta de trabalho, cada pessoa tem que trabalhar com a que melhor lhe beneficie, sendo assim se você gosta de lapiseira, pratique com ela, se só gosta de lápis pratique com ele. Mas lembrem-se de uma coisa, vocês têm que testar o máximo de materiais e ferramentas possíveis para que possam saber como funcionam, quais são suas maiores características, pontos fortes e fracos.

Afinal vocês não vão querer vir a serem desenhistas profissionais que só sabe trabalhar com UM tipo de ferramenta! Ou vão?

Em minha opinião a lapiseira ou porta minas (Mina é o grafite tanto faz do lápis quanto da lapiseira – Entrarei em detalhes num próximo Post) é excelente pra quem está iniciando, principalmente àqueles que têm a mão bem pesadinha... E sugiro que usem a 0.5mm ou 0.3mm, isso pelo fato de que se for posta demasiada força sobre o grafite (mina), o mesmo se quebra. Isso irá induzir os usuários a dosar a quantidade de força que põem sobre o papel. E com o tempo estará com sua mãe totalmente educada...

Vou deixar aqui, um video onde mostra um Mestre usando Lapiseira:

video

Link da página dele no Deviantart

“Exercício comprovado by Odair Coelho” --- ^^v

Há uma infinidade de materiais no mercado, uns com custos mais baixos, outros mais elevados... Mas nesse quesito o que importa é a qualidade da ferramenta!

Pode acreditar, é melhor você pagar mais caro por um material bom, do que ter que ficar comprando repetidamente o mesmo de qualidade inferior!



Vocês podem pesquisar por esses materiais em:

Fruto da arte, o projetista, comix book shop no google e verão essas lojas onde vendem materiais dedicados incríveis...


Bem aqui fica a minha dica, espero que tenha sido útil... Se tiver sido deixe seu comentário.




Fiquem com Deus e até a próxima!


Por que quadrinho é a nona arte?

No início as artes eram a dança, escultura, literatura, música, pintura e teatro. E as artes eram boas e todas eram iguais aos olhos de seus criadores, explendidas. As artes existiam e faziam com que os apreciadores se sentissem ainda mais humanos e com que os criadores se sentissem plenos, com a satisfação (Nem tanto você vai ver mais a frente) de maravilhar milhares com sua criação. E isso era bom. E isso bastava.

Mas o homem, em sua infinita insatisfação (Viu? O homem nunca está satisfeito. E isso é a base do evolucionismo!) e busca por expressão, inventou o cinema. E o cinema maravilhou apreciadores e encantou criadores. E Ricciotto Canudo o considerou a mais completa das artes, pois englobava todas as outras artes. E em 1923 publicou o "Manifesto das Sete artes" organizando-as da seguinte forma:

1ª Arte – Música (som);

2ª Arte – Dança/Coreografia (movimento);

3ª Arte – Pintura (cor);

4ª Arte – Escultura (volume);

5ª Arte – Teatro (representação);

6ª Arte – Literatura (palavra);

7ª Arte – Cinema (integra os elementos das artes anteriores).

A partir daí as artes passaram a ter classificação e a serem vistas tanto por apreciadores quanto por criadores com olhos cartesianos. E quando Canudo chegou à clareira no final da estrada, outros homens continuaram seu trabalho de sistematização das artes, e então surgiu a:

8ª Arte – Fotografia (imagem);

9ª Arte – Quadrinhos (cor, palavra, imagem), a arte sequencial.

10ª Arte – Jogos de Computador e de Vídeo (no mínimo integra as 1ª, 3ª, 4ª, 6ª, 9ª arte);

11ª Arte – Arte digital (integra artes gráficas computorizadas 2D, 3D e programação).

Mas com a classificação também veio a divergência: alguns acharam que o teatro deveria ser colocado antes da literatura. Outros acham que a televisão poderia ser a oitava arte, ou até mesmo a nona arte!

Mas os quadrinhos, que começaram como entretenimento simples, barato e de massa, evoluíram e se estabeleceram definitivamente como arte. Explicando melhor, contar uma história por meio de desenhos sequenciais, essa poderia ser a mais simplista das definições para as histórias em quadrinhos. Mas acho que devemos atrelar a criação das histórias em quadrinhos ao surgimento da mídia impressa, pois senão teríamos os antigos registros pictóricos das paredes das cavernas medievais ou até mesmo os antigos hieróglifos egípcios como uma forma de história em quadrinhos.

Na verdade, convém-se datar o surgimento dos quadrinhos a partir das sátiras políticas publicadas nos jornais norte americanos, daí o nome “comics” – ou “cômico.

O que realmente importa é que essa forma inusitada de contar histórias vingou e serviu para construir personagens de nossa infância ou nos tornar colecionadores aficionados agora quando adultos. Evoluíram dos jornais para impressos próprios, das sátiras políticas para histórias complexas, de “comics” para “graphic novels”.

Como dito anteriormente, há quem não concorde com a classificação, ou quem mudaria as ordens da listagem, mas o fato é que os quadrinhos se estabeleceram como arte e cultura pop, se mostrando como uma linguagem específica usada não só em mídia de entretenimento, mas também em mídias educativas e informativas.

Seja Turma da Mônica, Homem-Aranha ou Bleach, seja editoras famosas como a Marvel ou mais desconhecidas aos não-amantes da arte como a Vertigo, hoje a indústria dos quadrinhos movimenta um bocado de grana todo ano, ultrapassando o papel e adentrando diversos outros mercados. Com as mídias digitais, a internet e a facilidade que aumenta dia-a-dia de se produzir de forma independente o que quer que seja sua vontade, novas fronteiras se abrem para quem tem vontade de sair do convencional e conhecer os mais diversos tipos de HQ´s. 

Histórias em quadrinhos é Arte e, como arte se apresentam ao mundo, como a nona arte!.
E aí Pessoal, tudo joia com vocês?

Bem, estou trazendo aqui uma coisinha que pode ajudar e muito quem está praticando anatomia e estrutura de personagem (Como Desenhar Mangá).

É uma Character Sheet (Folha de Personagem), nela você encontra 12 divisões de cabeças com uma estimativa de altura do personagem com base na quantidade de cabeça que ele leva para ser feito...
Essa é minha ficha Open Source, imprima ela e mãos à obra (É só imprimir e desenhar, imprimir e desenhar). Pois como diz o ditado do tio Coelho – Quanto mais Se Pratica Melhor Se Fica!

Exatamente assim com todas as inicias das palavras maiúsculas para ficar loucão!

Clique na imagem abaixo para fazer Download  



Em caso de dúvida clique  AQUI
Espero que tenham gostado da Character Sheet, assim como que tenha ajudado à todos!


Forte abraço e fiquem com Deus! b